Sem pagamento dos salários, avaliações serão suspensas

Os professores da UniverCidade, em Assembleia, nesta quinta-feira, dia 14/11, deliberaram pelas seguintes medidas:

. Manter o estado de greve;

. Suspensão da avaliação de A1, até a regularização dos pagamentos de outubro e setembro (+ 50% de janeiro de 2013 e 1/3 das férias de 2012 para os professores que tiveram seus regimes de trabalho revertidos para horistas).

Essas deliberações serão encaminhadas ao MEC, com a ressalva de que esta medida afetará o cumprimento do prazo do Calendário Acadêmico.

Próxima Assembleia ocorrerá no dia 22/11, sexta-feira, no Auditório da Sede do Sinpro-Rio, às 14h.

Companheiros, temos que no momento ter muita resistência, persistência e união. Não devemos esmorecer somente pela questão de salários. É importante entendermos e refletirmos sobre a situação a qual estamos passando. O esvaziamento de nossas ações não nos devolverá o respeito e o comprometimento mútuo entre instituição e corpo acadêmico.

Suspender período de avaliação não é fazer greve. É ministrar aula sem cumprir com o Calendário Acadêmico e consequentes avaliações. E este ato tem amparo legal através de Edital publicado em jornal de grande circulação.

Temos à frente dezembro, janeiro e férias de fevereiro a enfrentar. Sabemos que pela história triste da IES, são os meses em que passamos por situaçao constrangedora de falta de pagamento e pressão para fechar o semestre. É a hora de todos que fazem parte do corpo acadêmico (estudantes, funcionários, docentes, associação de pais, inclusive) de nos mobilizar para impedir que a administração desta instituição corra à revelia.

A LUTA CONTINUA!!!

Diretoria da Adoci.

Sem pagamento dos salários, avaliações serão suspensas

Os professores da UniverCidade, em Assembleia, nesta quinta-feira, dia 14/11, deliberaram pelas seguintes medidas:

. Manter o estado de greve;

. Suspensão da avaliação de A1, até a regularização dos pagamentos de outubro e setembro (+ 50% de janeiro de 2013 e 1/3 das

férias de 2012 para os professores que tiveram seus regimes de trabalho revertidos para horistas).

Essas deliberações serão encaminhadas ao MEC, com a ressalva de que esta medida afetará o cumprimento do prazo do Calendário

Acadêmico.

Próxima Assembleia ocorrerá no dia 22/11, sexta-feira, no Auditório da Sede do Sinpro-Rio, às 14h.

Companheiros, temos que no momento ter muita resistência, persistência e união. Não devemos esmorecer somente pela questão de

salários. É importante entendermos e refletirmos sobre a situação a qual estamos passando. O esvaziamento de nossas ações não

nos devolverá o respeito e o comprometimento mútuo entre instituição e corpo acadêmico.

Suspender período de avaliação não é fazer greve. É ministrar aula sem cumprir com o Calendário Acadêmico e consequentes

avaliações.E este ato está amparado legal através de Edital publicado em jornal de grande circulação.

Temos à frente dezembro, janeiro e férias de fevereiro a enfrentar. Sabemos que pela história triste da IES, são os meses em

que passamos por situaçao constrangedora de falta de pagamento e pressão para fechar o semestre. É a hora de todos que fazem

parte do corpo acadêmico (estudantes, funcionários, docentes, associação de pais, inclusive) de nos mobilizar para impedir

que a administração desta instituição corra à revelia.

A LUTA CONTINUA!!!

Diretoria da Adoci.

%d bloggers like this: