Ações da Adoci pelos direitos do corpo docente (28/10)

A ADOCI está tomando todas as providências necessárias para resguardar o direito do corpo docente da UniverCidade. A nossa repulsa com os últimos acontecimentos é tratada com ações. Para tanto, após a efetivação do pagamento de 50% de janeiro de 2013 e 1/3 de férias de 2012 na sexta-feira à tarde, com atraso de dois dias, e a confirmação de que os professores com demissão revertida não foram contemplados, emitimos ofícios para a mantenedora e para o MEC cobrando solução. Nesta segunda, dia 28/10, medidas judiciais serão tomadas através do departamento jurídico do SinproRio.

A semana passada foi marcada por incertezas e expectativas:
– Dia 23/10, data marcada para pagamento de 50% de janeiro de 2013 e 1/3 férias de 2012, recebemos às 17 horas um SMS informando que fora concretizada a operação de pagamento através do Bradesco e que os depósitos seriam visualizados a partir de 12 horas de 24/10.
– As 13 horas do dia 24/10, dia da assembleia marcada para às 14 horas, o reitor Peixinho telefonou informando que o pagamento de setembro seria parcelado em 6 (seis) vezes para todos que ficaram fora da folha.
– Na assembleia quinta-feira, dia 24/10, ninguém havia recebido.
– O pagamento só foi visualizado na tarde de sexta-feira, dia 25/10.
– Além do atraso na efetivação dos depósitos ficava a preocupação da oficialização das reversões e a volta destes professores para a folha de pagamentos.

Ações:
– envio de um novo ofício ao MEC cobrando declaração de nulidade da reunião do Conselho Universitário que aprovou as demissões para entrar na justiça com processo de reintegração aos interessados em retornar;
-denuncia no Ministério Público pelo descumprimento do pagamento de toda a folha, incluindo os professores que tiveram a demissão revertida, além do não pagamento do salário de Setembro;
– Entendemos que reversão é anulação da demissão, logo, não justifica a falta de pagamentos, além de configurar descumprimento do Termo de Saneamento de Deficiência.
– denuncia no MEC pelo descumprindo do Termo de Saneamento de Deficiência);

2.1 Pressupostos
9 . Constituem-se em pressupostos para celebração e efetivação das medidas pactuadas neste termo, a serem observados durante toda a vigência do presente TSD;
I – o cumprimento efetivo dos compromissos salariais dos professores e técnicos, celebrados através dos respectivos sindicatos ou associações representativas, o que inclui a pontualidade nos pagamentos de salários;

A ADOCI encaminhou hoje cedo ao SinproRio o pedido de ação jurídica imediata cobrando o cumprimento dos pagamentos. Solicitamos que nos enviem, com urgência, nome completo dos que estão nestas situações, vez que mesmo diante de todas as insistências e ofícios, a mantenedora ainda não forneceu a relação oficial dos professores com demissão revertida.
Pedimos a todos que avisem aos colegas (nem todos tem o hábito de ler mensagens) para enviar ainda hoje o nome completo para o nosso e-mail.
A ADOCI nunca desistirá de lutar por todos com as armas necessárias para cada momento, com responsabilidade e compromisso com o corpo docente. Defendemos o direito de todos, sem distinção: demitidos, revertidos e ativos, independente da situação.
A participação de todos é fundamental. Participe das nossas assembleia. Na próxima quinta-feira, dia 31, às 14 horas, temos encontro marcado na sede do SinproRio, Rua Pedro Lessa, 35, 2º andar.

A luta continua.
Sidnei Amaral
Presidente

Anúncios
%d bloggers like this: